Como tudo em nossa Doutrina, é necessário preservar o bom sendo. Não enterramos um médium usando suas armas ou suas Indumentárias. O vestuário do Mestre finado pode ser calça marrom e camisa preta ou calça preta e jaleco branco (preferencialmente o branquinho), com a fita. O corpo da Ninfa deve ser vestido com vestido branco e sua fita. Nunca deverá ser usada uma indumentária de Ninfa ou de Falange. Tão pouco o Mestre deve ser enterrado de capa. O colete pode ser dobrado e colocado ao lado do corpo; jamais vestido.

O velório de um médium da Doutrina do Amanhecer deve ser simples, porém os familiares, amigos e irmãos, que façam parte da Doutrina, devem ter a consciência de se trata também de um trabalho espiritual e estaremos auxiliando àquele espírito em seu momento de regresso ao lar espiritual. Cada um que se fizer presente no velório deve emanar o melhor de suas forças para ajudar a elevação daquele espírito que ali ainda está presente. Uma concentração de forças, emissão de energia mental e perfeita harmonia, com a emissão de mantras, ajudam muito àquele que ali se prepara para seguir seu caminho à Pedra Branca.

Ao chegar o momento de iniciar-se o sepultamento, antes de ser fechado o caixão, um mestre presente, de maior hierarquia ou o próprio Adjunto ao qual o médium pertencia, faz um rápido comentário sobre o finado, e pede que se forme uma corrente, com as pessoas presentes se dando as mãos. Faz, em seguida, o “Pai Nosso”, ao fim do qual pede que se emita o mantra “Consagração aos Mestres” (“Caminheiros de Jesus”). 

Terminado este mantra, o caixão é fechado e se inicia a jornada para o sepultamento. Se houver flores em buquês, estes devem ser desfeitos para permitir, dentro do possível, que cada um dos acompanhantes leve uma flor, individualmente, para ser colocada na cova.

A jornada é muito importante porque, enquanto atravessa o cemitério para chegar ao local do sepultamento, os acompanhantes vão distribuindo forças pela emissão dos mantras. Essas forças atraem espíritos que estão ainda vagando entre as tumbas, e muitos conseguem serem libertados, iluminados pela luz emanada pelas vibrações de amor e paz produzidas pelos mantras e flores, elevados pela força que recebem daqueles médiuns que estão conduzindo o féretro.

Na hora do sepultamento, uma rápida parada permite a última homenagem e carga fluídica em benefício do falecido: de modo geral, faz-se a Prece de Simiromba e, se for o caso, o canto da falange missionária a que pertencia o finado. As flores são lançadas na cova, que é lacrada e põe fim ao ritual.

No que se refere aos mantras, não devem ser emitidos os ritualísticos, dando-se a preferência a: Hino do Doutrinador, Noite de Paz e Encantos do Amanhecer.

A sirene, no Templo, deve ser acionada, de hora em hora, a partir das 10 horas, até a hora do sepultamento, no dia do enterro, porque, ao ouvir a sirene, os médiuns fazem preciosa emanação de força em benefício daquele espírito que desencarnou, vibração muito importante para sua libertação.

10 Comentários

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.

  1. Salve Deus Mestre! Muito obrigada por mais esse esclarecimento.Que jesus ilumine ao senhor e todo o seu povo. Graças a Deus!!!

    ResponderExcluir
  2. Já havia escutado falar que as indumentárias do desencarnado, deverá ser devolvida ao templo, é isso mesmo mestre?

    ResponderExcluir
  3. Em relação a cremação do corpo, o que diz nossa doutrina do amanhecer? Existe algum esclarecimento sobre este assunto? obg. Salve Deus!
    ViniSena

    ResponderExcluir
  4. Existe algum esclarecimento em nossa doutrina do Amanhecer em relação à cremação do corpo no sentido de trazer algum malefício para o recém desencarnado ?  obg. Salve Deus!

    ResponderExcluir
  5. Em relação a cremação do corpo, o que diz nossa doutrina do amanhecer? Existe algum esclarecimento sobre este assunto? obg. Salve Deus!
    ViniSena

    ResponderExcluir
  6. Meus irmãos e irmãs,
    Salve Deus!

    Por favor mandem suas perguntas para o e-mail kazagrande@bolivia.com onde poderei responder com o espaço e formatação adequada. As vezes demoro um pouco, mas sempre respondo a todos com muito carinho e respeito.

    Um fraterno abraço,
    Kazagrande

    ResponderExcluir
  7. Salve Deus Mestre, obrigada por esses esclarecimentos de tamanha importância para todos nós médiuns da Doutrina,não sabia como era feito o funeral de um medium e agora já sei graças a sua caridade. Ninfa Sol Milena.

    ResponderExcluir
  8. muito bom escarecedor

    ResponderExcluir
  9. Mestre, gosto muito de ler seus comentários que significa uma aula,se cada médium que lê por em pratica seus ensinamentos, a doutrina ganhará muito, parabenizo pelo trabalho prestado a cada irmão.

    ResponderExcluir
  10. Um mestre amigo foi sepultado com a roupa de jaguar . Em uma aula de sétimo no Olinda do amanhecer foi dito que o mestre nunca deve ser sepultado com sua roupa de jaguar que tia nelza falou e verdade

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.

Postagem Anterior Próxima Postagem